Portugal em junho é tudo de bom: vem curtir a Festa dos Santos Populares!

Atualizado: Mar 23

Pensando em viajar para Portugal em junho? Descubra por que essa é uma das melhores épocas do ano para vir pra cá!

Junho é o mês em que o calor finalmente começa a se fazer presente, os dias têm sol até as 21h e - o melhor - as ruas ficam no maior clima de festa!

Festas dos Santos em Portugal: diversão à vista!


É nessa época do ano que acontecem as Festas dos Santos Populares (Santo Antônio, São João e São Pedro), que colorem as ruas de Portugal com bandeirolas e cordões. O cheiro de sardinha assada toma conta e os arraiais convidam todos a celebrar, dia e noite.


Estar em Portugal em junho é uma grande oportunidade de conhecer as origens das festas juninas brasileiras e ver o povo português na sua expressão mais festiva. Para quem vem a turismo, é mesmo incrível curtir o astral único dessas festas!


Confira nosso Roteiro 2 dias em Lisboa com crianças


Barraquinhas de comidas (muitas vezes organizadas pelos próprios moradores) vendem delícias como o caldo verde (uma sopa a base de batata com couve), pão com chouriço (um tipo de linguiça), bifanas (sanduíche de pão com carne de porco), doces portugueses e, claro, a tradicional sardinha assada.


A festa dura todo o mês de junho e, em Lisboa, a grande noite é de 12 para 13 de junho, para celebrar o Dia de Santo Antônio. Já no Porto, a comemoração maior acontece de 23 para 24 de junho (São João). No Porto, inclusive, existem tradições muito engraçadas: durante a festa, não estranhe se alguém bater (de brincadeira...) com um martelinho de plástico na sua cabeça! Antigamente, as pessoas abençoavam-se nas festas batendo com alho-poró umas nas outras (e também usavam isso como pretexto para aproximarem-se da pessoa amada). Em 1963, um industrial do ramo dos plásticos sugeriu trocar o alho-poró por martelos barulhentos deste material e a tradição foi revitalizada.


Outra tradição das festas dos Santos Populares é o manjerico (plantinha prima do manjericão), que aparece tanto na decoração das festas, como em barraquinhas, para que se compre para presentear alguém. O manjerico era dado às meninas pelos seus enamorados como sinal de compromisso na noite de Santo Antônio. Mas atenção: não o cheire diretamente! Reza a lenda que se você cheirar essa planta, ela seca imediatamente. Alguém ousa experimentar?


As crianças nas Festas dos Santos


Será uma boa ideia levar as crianças para curtirem as Festas do Santos Populares? Com certeza, mas temos algumas recomendações:


- Optem por chegarem o mais cedo possível no arraial, que é a hora mais tranquila e mais familiar. Chegando cedinho, dá pra pegar mesa e é mais fácil de vigiar os pequenos. Mais tarde, as festas começam a ficar muito, muito cheias... Daí melhor ir embora!

 - No caso de bebês, indicamos levarem o carrinho. Apesar do sobe e desce das ruas, é mais confortável para os pais carregarem assim do que no colo... Muitas vezes, acaba-se caminhando de arraial em arraial, então desse jeito fica melhor para todos (especialmente se o bebê dorme no caminho).


- Alguns arraiais contam com brincadeiras como por exemplo a tradicional pescaria! Existem ainda algumas edições especiais dedicadas às crianças, como o “Arraial Infantil da Vila Berta”, em Lisboa, que este ano acontece no dia 10 de junho, com muitas atrações pensadas para os pequeninos. Vale espiar a programação completa para eleger os favoritos.

Como é o clima em Portugal em junho?


Junho é um mês que normalmente tem temperaturas amenas. Para quem vem com crianças é bem gostoso, pois ainda não está no auge do calorão. Durante o dia, costuma ser mais quente (dá até pra ir à praia) e, à noite, bate um ventinho (não pode esquecer o casaquinho, hein?).

37 visualizações

© Criado por Portugal com Miúdos. Todos os direitos reservados.